Conexão Lia Nagel

sábado, 22 de junho de 2013

Your Love Is King .... I'm your Queen ... your Sweet Lady!!!!

Caribbean Blue - By Enya

Pelos encravados!!!


Eles são o tormento da maioria das mulheres e de boa parte dos homens.
Crescem debaixo da pele.
Diferente do que muitos pensam, eles podem ser eliminados.
Controlar o problema pode ser mais fácil do que se imagina e ter uma pele lisinha é o sonho de qualquer pessoa, não é mesmo?


Mais frequentes entre quem tem cabelos enrolados, os pelos encravados aparecem, e são nestes casos que perguntamos: O que fazer? Deixá-los ali, nem pensar, e, cutucá-los pode ser pior, podendo desencadear inflamações e até cistos.

Veja abaixo o que você deve fazer para minimizar os riscos e combater o problema:

Aparecimento

- Eles surgem com o uso de roupas muito apertadas em qualquer parte do corpo, e não apenas nas pernas;
- A remoção com cera quente ou fria é contra-indicada pelos especialistas, pois este método arranca o cabelo pela raiz, o que altera o seu eixo de crescimento;
- Apesar de só dissolver o pêlo, a depilação com creme também pode encravá-lo caso o produto penetre em uma ferida;

- A lâmina de barbear não provoca o problema, pois apenas corta o fio, porém, ela pode ferir a pele e facilitar a entrada de bactérias, o que pode consequentemente causar uma inflamação e gerar o encravamento.

Estágios



Encravado: o pelo cresce debaixo da pele não representando mal nenhum;

Inflamado: a área fica inchada e levemente avermelhada. Algumas vezes apresenta secreção amarela, e , em alguns casos, causa dor;
Cisto: Maior, dolorido e mais rígido do que a inflamação. A drenagem não garante que ele não volte.

Como combater


- No banho, adote um sabonete líquido livre de óleo mineral ou derivados de petróleo e uma bucha vegetal, esfregando suavemente;
- Use esfoliante regularmente pois ele ajuda a minimizar o problema. Passe-o três dias antes da depilação para expulsar os pelos encravados, porém, não pense em aplicá-lo em regiões machucadas pois irá irritá-las ainda mais;
- Se você recorrer à lâmina de barbear jogue no lixo após usar;
- Depilação com cera quente/fria deixa os poros abertos/dilatados, por isso, durante três dias, não use substâncias irritantes, como cremes e loções e nunca reutilize a cera para a remoção dos fios. Jogue-a fora imendiatamente após o uso;
- Caso sua pele esteja esbranquiçada ou rachada e for necessário o uso de algum produto, fique sempre atento às reações e lembre-se sempre: para retirar os pelos encravados recorra a uma pinça, mas vá com cuidado para não machucar a pele.

Cuidados e tratamentos


- Resista à tentação e jamais cutuque o pêlo encravado. Além de piorar o quadro, sua pele pode ficar marcada!
- A penugem está mais profunda? Corra para o dermatologista;
- Em caso de inflamação, o tratamento é feito com antibióticos de uso local;
- Se não melhorar, volte ao especialista, pois pode ser necessário drenar a lesão.

Solução

A depilação definitiva a laser pode ser uma saída para reduzir o problema. Em geral, são necessárias seis seções para cada região. Mais saiba: o método elimina os fios existentes não impede o aparecimento de novos. Portanto, pense bem antes de investir!

Como eliminar os pelos encravados


Fonte: Veri

domingo, 16 de junho de 2013

Quem tem vocação para liderança?


Como ninguém é de ferro, até os gestores têm direito a um merecido período de descanso, ou seja, as tão esperadas férias. Caso contrário, em pouco tempo a liderança entrará em um estágio de automação e não deixará mais suas competências aflorarem. O resultado será sentido, logicamente, na performance da equipe. Mas, quando o líder está ausente, quem deve substituí-lo durante sua ausência? Qualquer um é capaz de assumir essa responsabilidade e tomar conduzir o leme junto aos demais colegas de trabalho? Certamente que não, pois alguém despreparado à frente da gestão de vários profissionais pode gerar uma grande confusão. E quando a liderança retornar, no mínimo, terá uma grande dor de cabeça. Mas, como saber que está apto a conduzir os trabalhos do líder?


Algumas sugestões simples podem ajudar vários gestores que nesse momento, preparam-se para descansar e não sabem para quem delegar a responsabilidade de substituí-lo em sua ausência.




1 - Um verdadeiro gestor sempre tem em mente que a condução da sua equipe pode precisar de um substituto, seja porque ele precisará entrar em período de férias, ausentar-se para cuidar da saúde ou mesmo viajar para participar de um treinamento, um congresso, por exemplo. Isso leva o bom senso a falar mais alto e faz com que o gestor fique atento a quem tem aquele diferencial de liderar. Ou seja, o colaborador que tem empatia com os demais colegas e sempre toma a iniciativa de auxiliar os demais no dia a dia.



2 - Quem substitui o gestor deve conhecer bem o andamento dos trabalhos do setor, ou seja, precisa estar sintonizado com o que ocorre na rotina do departamento.

3 - Um líder em potencial tem uma característica muito valorizada pelo mercado: a capacidade de lidar com situações inesperadas. Mesmo que o problema não seja solucionado imediatamente, uma atitude tomada no momento certo faz com que a equipe mantenha-se equilibrada para encontrar a alternativa eficaz para sanar o problema.




4 - Sempre que possível, o líder deve conversar com os membros de sua equipe, preferencialmente, em particular. Não precisa ser uma reunião formal, mas durante aquela parada para o cafezinho o gestor pode "pescar" o interesse do profissional em futuramente tornar-se um gestor de pessoas.



5 - Você quer me substituir na minha ausência? Essa pergunta deve ser feita a quem o gestor pretende delegar a responsabilidade de substituí-lo temporariamente. Muitas vezes, o profissional destaca-se em suas atividades. Contudo, quando precisa gerir seus pares não se sente à vontade e sua performance fica aquém do esperado.


6 - Outra forma de identificar se alguém tem tendência a ser líder surge durante a avaliação de desempenho. Esse recurso permite que sejam identificadas competências essências para quem um dia estará diante da condução de uma equipe.

7 - Também é importante que o profissional tenha um bom entrosamento com os demais pares. Não se conduz bem uma equipe, se as pessoas não veem o "gestor temporário" com "bons olhos.

8 - Quando a liderança está à procura do seu substituto, deve considerar o comportamento do mesmo diante de situações específicas. Por exemplo: supondo que o possível substituto realizou um bom trabalho e seu líder faz um elogio ao seu desempenho. Se o colaborador aproveita a situação para se "colocar" acima dos demais colegas de trabalho e deixa a vaidade tomar conta dele, é melhor pensar em outra pessoa para assumir o papel de líder.




9 - Se o colaborador nunca conduziu uma equipe e recebe o convite para substituir seu líder por um período determinado, é bom que ele conte com algum o apoio de outro gestor. Esse profissional a quem ele poderá recorrer servirá como mentor, caso haja necessidade.

10 - Faltam poucos dias para as férias chegarem e é natural que a liderança tome determinadas ações para deixar a "casa" em ordem. Nos dias que antecedem à sua ausência temporária, o líder deve convidar o substituto para acompanhá-lo nas suas atividades diárias. Isso permitirá que o "gestor substituto" tire dúvidas e se ambiente à rotina que terá brevemente.

Fonte: Patrícia Bispo; Lia Nagel











terça-feira, 11 de junho de 2013

Laços, Eles voltaram com toda força: Veja dicas e fotos para usar e se enlaçar a vontade!


A moda explora o romantismo com laços em roupas e em acessórios.Além de blusas, calças e sapatos, tendência aparece até em perfume e maquiagem.Segundo fashionistas,o laço é símbolo de feminilidade e vai continuar em voga no verão, confira!

Romântica e delicada assim é considerada a mulher que usa os laços. Na tiara, no cinto, no sapato são várias opções para escolher. Enganam-se aquelas que acham que não podem usar, não combinam com a idade ou com o evento que irá acontecer. Segundo a Personal Stylist Vanessa Versiani o laço é para a mulher que tem personalidade e aquela que tenha um pouco de romantismo e suavidade ou queira parecer mais delicada.




O laço é o novo hi-lo do momento e está fazendo revolução no guarda-roupa das moderninhas que andam se rendendo ao fetiche. Queridinho das mulheres de estilo mais romântico, o laço é um detalhe sofisticado. Laranja, lilás, vermelho, verde e o clássico laço preto, pode ser o toque de acessório indispensável no seu visual.


COMO USAR:


Você pode sim usar laço na cabeça e laço no cinto, mas não use algo muito extravagante porque pode ficar com um visual mais infantil.


- Se o vestido ganhar aplicações de laços evite o detalhe nos acessórios


- Divirta-se com os laços e seja ousada no seu visual


- A pulseira de laço em acrílico é uma boa pedida para aquelas que não querem ter um visual infantil, mas moderno


- É um estilo new romantic, os scarpins e sandálias com laços. Aposte!


- Se a produção estiver muito minimalista, você pode dar uma "quebrada" com uma bolsa que tenha um detalhe como um laço


- Se o estilo for roqueira, opte por laços enfeitados com tachas


- Se usar um arco com laço na cabeça, evite brincos grandes. A composição faz a diferença!




Para quem vai trabalhar, os laços nos pés, na cintura e até na bolsa ficam um charme. “Alguns materiais são mais para o dia, outros mais para noite, mas com as combinações certas é possível usar uma peça de laço mais noturna durante o dia sem problema algum, e vice versa”, comenta Vanessa.






















Fonte: Google, Terra, Ig

domingo, 9 de junho de 2013

A conquista e a manutenção do homem certo em sua vida


Como conquistar e manter o homem certo?



A ideia não é se adequar ao desejo dele, mas ter jogo de cintura para construir a relação que você quer com aquele parceiro que vale a pena.


Pedimos o "serviço completo" para mulheres felizes no amor.


Confira estratégias testadas e aprovadas!



SEDUÇÃO
Deixe sua marca
Para se diferenciar, você tem que ser "a mulher". Instigue- o.
Não vá para a cama no primeiro encontro. Eu seduzi meu marido aos poucos. Se ele estava lendo, eu ficava por perto e ele dizia que meu cheiro o deixava louco. Uma pitada de paciência aumenta o tesão.

MANUTENÇÃO
Cuide de quem ama
Preste atenção no que ele fala e ajude-o quando precisar.
Na cama, nada de rotina. Estimule a imaginação – a sua e a dele. Invista nas fantasias. Tenha sempre bom humor. Experimente mandá-lo fechar os olhos e fale algumas palavras sedutoras. Funciona!

MICO
Escancarar tudo
Não falo nem mostro tudo. É bom que ele também se preserve.
Nada de invadir a privacidade dele, olhar celular, internet... Isso pode ser fatal.
Acredite: o que é seu o bicho não come.



SEDUÇÃO
Esnobe um pouco
Deixe que ele demonstre mais interesse em conquistá- la do que o contrário.
Nada como dar uma "esnobadinha", fazer um certo charme.
Isso instiga seu parceiro e ele acaba insistindo.


MANUTENÇÃO
Seja independente
Nunca pare de sair com sua turma.
E não tente discutir a relação, é besteira. Melhor falar com uma psicóloga ou com as amigas.
E deixe de ser neurótica, de brigar à toa.
De vez em quando, crie clima, faça um jantarzinho romântico.


MICO
Bancar a mandona
Deixe-o fazer o que quer. E, quando ele estiver calminho, você dá as regras em tom sutil, sem pressioná-lo.
Conheça bem o seu homem. Nem todos adoram fantasias sexuais. Nada como uma sincera conversa antes de dar asas a sua imaginação.

AUTO ESTIMA
Invista na autoestima
Mulher segura é sedutora. Mas sempre feminina.
Só não abuse do poder, porque pode exagerar e perdera feminilidade.


MANUTENÇÃO
Participe da vida dele
Mesmo na correria, faça com que ele se sinta desejado.
Participe da vida de seu parceiro, marque sempre presença.


MICO
Perguntar demais
Não analise a reação masculina sob a ótica feminina.
E pare de amolar o outro com um monte de perguntas.
Uma discussão boba pode ganhar proporções desnecessárias e voce pode ser acusada de não respeitar o espaço dele. Se acontecer, peça desculpas.



Tome a iniciativa
Uma estorinha como exemplo: Um dia, no trabalho, quando ele sugeriu aos colegas uma pausa para o café, falei: “Não me convida?”
Depois, ele me chamou para sair.
Na volta, cada um em seu carro, dei a seta ao passar por um motel. Ele idem.
Mas eu desfiz a minha, ri e brinquei pelo retrovisor.


MANUTENÇÃO
Apimente sua relação
Nunca deixe de ser criativa, original, surpreendente. Estimule seu relacionamento a cada dia.


MICO
Tentar ser outra pessoa
Não dá certo simular ser o que não é.
Também não fale da ex dele. O que passou não interessa.
No mais, tenha paciência e lembre-se: ele é outra pessoa, não vai fazer o que você acha melhor. Aceite as diferenças. Mesmo que esteja brava, nunca dê escândalo.



Escute mais
Faça mistério. É bom deixá-lo em dúvida sobre suas intenções.
Nos primeiros encontros, ouça mais do que fale. Com o tempo, diga o que é importante para você, sem imposições.


MANUTENÇÃO
Tolere as diferenças
Um exemplo: se seu parceiro não conhece filosofia, e essa é a área área de que gosta, então apresente esse mundo a ele de forma convidativa, não professoral.
Perceba o que não é dito. Por exemplo, ele não precisa falar que está nervoso ou que quer ficar só. Você pode notar isso e dar uma voltinha...

MICO
Não respeitar os limites
Exemplo: Uma pessoa com quem está saindo começa a dar uns canos e, quando liga, finge que nada tinha acontecido.
Isso pode enlouquecer você, mas pense: Respeito é básico. Se achar que errou, peça desculpas.



Use seu potencial
Exemplo: "Quando conheci meu marido, ele não me notou. Na segunda vez, sabendo que ia encontrá-lo, fui de vestido curto e decotado. Aí me chamou para sair".
Não pare sua vida por ele.
"Eu avisei que viajaria para a França a trabalho, e ele foi atrás com um anel de noivado".


MANUTENÇÃO
Preserve-se
Exemplo: "Não deixo meu marido chegar perto quando estou pintando o cabelo ou me depilando.
Gosto de apimentar nossa vida sexual com lingeries interessantes".
O fundamental é que o homem a veja como alguém que se ama, gosta do que faz e tem paixão pela vida.


MICO
Morar na casa da mãe
Mães e sogras perto demais não dá.
"No meu primeiro casamento, moramos com minha mãe e ela dava palpites".
Também evite ser possessiva. Enfim, ciúmes e mãe, só em doses homeopáticas.



Seja sexy sem ser vulgar
Deixe-o pensar que a iniciativa foi dele e, então, abuse de suas habilidades.
"Eu sempre gostei de dançar e conquistei meu namorado ensinando salsa. No embalo, eu o encarava, deixava a alça da blusa escorregar... Depois, elogiava a performance dele em seu ouvido".


MANUTENÇÃO
Faça-o rir
Aceite-o como ele é.
"Meu namorado não fala muito, só faz barulhinhos. São onomatopeias fofas, que eu aprendi a entender".
Seja companheira, mas não “amiguinha”.
Ouse.
"Uma vez, eu o sequestrei para um motel. Antes, encomendei champanhe, chocolate, e alguns apetrechos para brincar com ele".


MICO
Não xerete o passado dele
Esse tipo de mania só gera insegurança e ciúmes.
Também não é legal ligar mil vezes. Se estiver a fim, ele procura.
E se isso não acontecer, não perca mais tempo com quem não quer o mesmo que você.



MANUTENÇÃO
Divirtam-se juntos
Se tiver filhos, uma babá de confiança é fundamental.
Daí, cultivem projetos comuns, divirtam-se, saiam para dançar, jantar. Faça surpresas.


MICO
Remoer questões antigas
Nunca discuta a relação na hora reservada para namorar nem remoa velhas questões.
Problemas devem ser resolvidos e enterrados.


Seja cúmplice
Exemplo: "Meu marido diz que gostou de mim porque sou altoastral, tenho humor. Alimentei a cumplicidade desde o namoro. Fazíamos tudo juntos: aulas, passeios... Essa aproximação até hoje rende boas conversas, piadas e amigos comuns. Eu me tornei importante para ele".


MANUTENÇÃO
Encha a bola dele
Acha-o desejável? Então, demonstre.
Homem inseguro fica chato, predisposto a encontrar alguém que o admire.
Cuide-se, esteja sempre bonita.
E ouse na hora da transa. Procure cenários diferentes, como uma praia deserta.
Se algo a magoar, fale, resolva e esqueça.


MICO
Comprar brigas à toa
Não tente mudar o que não é possível nem dispute para ver quem terá a última palavra.
Orgulho envenena.
Se ele, às vezes, é grosso com você, não revide. Esforce-se para domar seu gênio. Muitas brigas não têm motivo sério. Releve.


Fonte: Claudia Ramos e Peter Dazeley