Conexão Lia Nagel

terça-feira, 28 de junho de 2011

Doenças mais comuns no Inverno


As doenças de inverno mais comuns são as que atingem a garganta e o aparelho respiratório.



Seus alvos preferidos são as vias respiratórias superiores (o nariz), a garganta, os ouvidos e os pulmões.

Se tratadas adequadamente, essas doenças não têm maior gravidade, embora tragam grande desconforto.

Mas, quando se complicam, podem levar à morte.

Por isso, é fundamental conhecer suas diferenças e ficar de olho nos sintomas.



Em geral, secreções amareladas ou muito espessas, febre alta, dores fortes na cabeça ou no peito e dificuldades respiratórias indicam a necessidade de tratamento de emergência, muitas vezes com hospitalização.

Para evitar que isso aconteça, informe-se.



Tipos mais comuns de doenças que surgem mais frequentemente no Inverno:


Alergia

O que é

A alergia é uma "resposta imunológica exagerada", isto é, ocorre quando nosso organismo reage com exagero a alguma substância estranha. Em geral, ela tem motivação genética.

Sintomas



As alergias típicas do inverno são as respitatórias, e seus sintomas são a tosse, a coriza e a coceira nos olhos, na garganta e, muitas vezes, na pele.

Agentes
Os causadores das alergias variam muito: podem ser alimentos, tecidos, pêlos ou penas de animais, poeira, mofo, pólen etc. No inverno, os mais comuns são o mofo e a poeira.

Prevenção
A primeira providência é descobrir a fonte da alergia, que deve ser diagnosticada por um médico especialista em alergias. Depois, é preciso encontrar meios de ficar longe do agente causador da alergia.

Tratamentos
Devem ser sempre prescritos por médicos, e podem incluir remédios anti-alérgicos, cortizona e, em alguns casos, "vacinas" que dessensibilizam o organismo.


Asma



O que é
A asma (também conhecida como "bronquite asmática" ou "bronquite alérgica") é uma doença que congestiona os brônquios, impedindo que o ar chegue até os pulmões. Pode ser causada por diversos fatores, e ocorre em cerca de 10% da população brasileira, sendo mais frequente nas crianças.

Sintomas
Os principais sintomas da asma são a falta de ar e o "chiado" na respiração.

Agentes
A asma pode ser causada por uma reação alérgica ou por infecção das vias respiratórias.

Prevenção
Ficar longe dos agentes alérgicos e, em casos mais graves, tomar a medicação preventiva, prescrita pelo médico.

Complicações
A asma pode causar enfizema pulmonar e morte por insuficiência respiratória.

Tratamentos
Os tratamentos de emergência só podem ser dados por médicos, e incluem a famosa "bombinha", a nebulização e medicação


Bronquite



O que é
É uma reação inflamatória dos brônquios que impede o ar de chegar aos pulmões.

Sintomas



Catarro, tosse seca e com chiado. Com o agravamento, há tosse com escarros, dor atrás do osso do peito, fadiga, mal-estar geral e febre.

Agentes
Os causadores da bronquite podem ser alergias, irritações causadas pela fumaça ou pelo fumo, infecções respiratórias ou agentes ambientais, como a neblina.

Prevenção
Não se deve fumar ou permanecer em ambientes poluídos.

Complicações
A doença pode progredir para uma pneumonia.

Tratamentos
O tratamento depende da causa da bronquite, e só pode ser prescrito por médicos. Em geral, é feito com expectorantes (para eliminar o catarro), inalação e, no caso de haver uma infecção, com antibióticos


Faringite



O que é
A faringite é uma inflamação da faringe (área da garganta que está situada entre as amígdalas e a laringe). A dornça pode tanto ser o primeiro sintoma de um simples resfriado quanto de um problema mais grave, como uma virose chamada mononucleose, muito comum em crianças.

Sintomas
Os sintomas da faringite são a sensação de "garganta arranhada", febre, pus na garganta, dor de ouvido e dificuldade para engolir.



Agentes
A faringite que acontece subitamente, tamém chamada de "faringite aguda", pode ser causada por bactérias ou por vírus. Já a faringite que dura um longo tempo, chamada de "faringite crônica", ocorre quando uma infecção se "espalha" de outro lugar (como o nariz) para a faringe.

Prevenção
Não fumar, não permanecer em ambientes poluídos, não dividir copos e talheres.

Complicações
A doença pode evoluir para infecções mais graves, como a meningite.

Tratamentos
Deve ser prescrito por um médico, e inclui analgésicos, pastilhas, anti térmicos e, eventualmente, antibióticos.



Gripe



O que é



A gripe é uma doença muito contagiosa que ataca as vias respiratórias (nariz, garganta e pulmões) e é causada por um vírus chamado Influenza. Não existe remédio para curá-la, mas sim para aliviar seus sintomas. Se não houver complicações, tende a passar sozinha.

Sintomas



Febre alta, dores musculares e articulares, dores de cabeça e inflamação dos olhos.

Agentes
Vírus Influenza, que é transmitido pelo ar através de gotículas de saliva.

Prevenção
A melhor prevenção contra a gripe é tomar a vacina todos os anos, pois o vírus é mutante, aparecendo de forma diferente a cada ano. Mas também é possiível preveni-la melhorando as defesas do corpo através do calor e da boa alimentação. Por ser uma doença muito contagiosa, deve-se evitar a permanência em ambientes fechados. Saiba mais sobre a vacina.

Complicações



Habitualmente sem maiores conseqüências, a gripe pode ser grave, principalmente para as pessoas idosas ou debilitadas por doenças crónicas. Pode evoluir para pneumonia e para a meningite, além de graves infecções respiratórias, o que pode levar o paciente à morte.

Tratamentos
Deve ser prescrito por um médico, e inclui repouso, boa alimentação e remédios para aliviar os sintomas, como analgésicos, anti térmicos, descongestionantes e vitamina C.



Laringite



O que é
É a inflamação da laringe (região da garganta onde estão as cordas vocais). Trata-se de uma doença que pode aparecer sozinha, ou também ser um sintoma de bronquite, pneumonia e de outras infecções respiratórias.

Sintomas



A laringite não causa muita dor, mas provoca rouquidão e tosse seca. Em geral, a voz do doente vai enfraquecendo ao longo do dia.

Agentes
Os causadores da laringite podem ser vírus, bactérias e agressões ambientais como bebidas muito geladas.

Prevenção
Não fumar, não tomar bebidas geladas, não compartilhar talheres e copos, repusar a voz, dormir bem, não gritar.

Complicações
Progredir para infecções maiores (como a meningite) ou provocar graves problemas na voz.

Tratamentos
Devem ser prescritos pelo médico. Podem incluir desde o repouso até o uso de antibióticos.



Meningite



O que é
A temida meningite é uma inflamação das "leptomeninges", isto é, das membranas que recobrem o cérebro e a medula espinhal. A doença pode ter diversas causas, mas é sempre uma infecção gravíssima, que exige acompanhamento médico permanente.

Sintomas



Febre alta, pescoço enrijecido, náuseas e dores de cabeça.

Agentes
A meningite pode ser causada por vírus ou bactérias, muitas vezes em decorrência de gripes não tratadas. Ela também pode ser provocada por fungos ou parasitas. Dependendo da origem, pode causar surtos e epidemias .

Prevenção
Tratar com atenção gripes e infecções de garganta e respiratórias. Em caso de surto, seguir as recomendações das autoridades de saúde.

Complicações
Seqüelas cerebrais e morte.

Tratamentos
Hospitalização e antibióticos.



Pneumonia



O que é
A pneumonia é uma infecção aguda que pode atingir os pulmões inteiros ou em partes. Certas variedades de pneumonia pioram rapidamente e requerem hospitalização do paciente para realizar um tratamento com antibióticos, oxigênio e líquidos endovenosos.

Sintomas



Os sintomas da pnemonia são a tosse com escarro, a dor no tórax, a febre alta, os calafrios, o suor e a palidez. Quanto maior for a área dos pulmões afetada, mais fortes serão os sintomas.

Agentes
Em geral, a pneumonia é conseqüência de alguma infecção das vias respiratóras (bronquite, resfriado, gripe etc) causada por vírus e/ou bactérias.

Prevenção
Não fumar, tratar com atenção as doenças respiratórias, evitar ambientes fechados e repousar muito em caso de gripe ou bronquite forte.

Complicações
Abscessos de pus, cistos contendo ar nos pulmões e derrame pleural (acúmulo de pus no espaço que envolve os pulmões), podendo levar o paciente à morte

Tratamentos
Deve ser prescrito pelo médico, e pode incluir desde antibióticos até a hospitalização.



Resfriado



O que é
O resfriado é uma infecção leve das vias aéreas superiores (nariz e garganta). Não existe remédio para curá-lo, mas apenas para amenizar os sintomas. Se não houver complicação, tende a passar sozinho.

Sintomas



Coriza, espirros e febre baixa.

Agentes
Pode ser causado por alergias, vírus ou bactérias.

Prevenção
Evitar o frio e as bebidas geladas, não permanecer em ambientes fechados, não compartilhar talheres.

Complicações
Pode evoluir para rinites, gripes e infecções respiratórias mais graves.

Tratamentos
Repouso, líquido e boa alimentação. Se necessário, podem ser administrados analgésicos, anti térmicos e vitaminas, mas só depois de consulta médica.



Rinite



O que é
A rinite é uma inflamação não contagiosa das mucosas do nariz, que aparece de forma recorrente e atinge cerca de 30% da população. Ela quase sempre é causada por alergias ou por reações à fumaça e outros agentes ambientais.

Sintomas
Nariz escorrendo, coceira nos olhos, no nariz e na boca, espirros e às vezes um pouco de febre.

Agentes
Pode ser provocada por reação alérgica à poeira, a produtos químicos, aos cigarros etc, e também pode ser causada por reações a remédios, malformações da parte interna do nariz etc.

Prevenção
Evitar permanecer por muito tempo em locais fechados, não fumar, não ficar perto de lugares recém-pintados, ficar longe do mofo e, em caso de repetição freqüente, procurar algum tratamento preventivo prescrito pelo médico otorrinolaringologista.

Complicações
A obstrução nasal da rinite pode causar outras consequências, como problemas de sono e roncos, desalinhamento dos dentes, infecções de ouvidos e sinusites.

Tratamentos
O tratamento da rinite deve ser prescrito por um médico, e pode incluir antialérgicos, descongestionantes, analgésicos e anti térmicos.



Sinusite



O que é
A sinusite é uma inflamação não contagiosa da parte interna dos seios da face, e que, em geral, se repete de forma recorrente.

Sintomas



Nariz congestinado, dor de cabeça, febre, tontura e mal estar.

Agentes
A sinusite pode ser provocada por reações alérgicas, por viroses ou por infecções bacterianas.

Prevenção
Em primeiro lugar, evitar o contato com os causadores de alergias. Mas também é preciso tratar de sintomas como a coriza quando estes ainda estão começando, para evitar a crise.

Complicações
Agravemento do problema (sinusite crõnica) e infecções respiratórias mais graves.

Tratamentos
O tratamento da sinusite depende da causa e da gravidade do problema. Deve ser recomendado pelo médico, e pode incluir descongestinantes, analgésicos, anti térmicos, antibióticos e até cirurgias, dependendo da gravidade do caso.



Fonte: Terra




Acrescentando....


O inverno começa oficialmente no dia 21 de junho, às 2h45 (horário de Brasília).


Baixas temperaturas, tempo seco e consequente aumento da poluição, característicos dessa época do ano, tornam essenciais a atenção a certos cuidados para evitar doenças comuns que tiram todo o charme da estação.



Aglomeração de pessoas e pouca ventilação ajudam a afastar o frio, mas agravam as tradicionais gripes e resfriados, que se juntam às doenças respiratórias como asma, bronquite e rinite, impactando principalmente crianças e idosos.



Cansaço, estresse, alimentação inadequada e excesso de trabalho facilitam a baixa imunidade, tornando as pessoas mais suscetíveis às doenças de inverno.

É importante que, ao detectar sintomas como febre, coriza, tosse, dificuldade de respiração e moleza no corpo, procure-se um médico para o diagnóstico adequado.



"Sintomas como estes podem indicar uma gripe, mas todo quadro merece ser investigado com cautela, pois os sintomas se assemelham a casos de pneumonia, por exemplo".

No inverno o número de casos dessas doenças chega a ser três vezes maior em algumas unidades de atendimento.














Lia Nagel


Nenhum comentário:

Postar um comentário